#DICASZEN, Estilo de Vida Zen

Como manter uma vida saudável em tempos de Covid?

O Covid e o isolamento social mudaram os hábitos no cotidiano. Mas é possível manter uma rotina com saúde

Desde 2020, diversos países vivem uma pandemia para conter o contágio da Covid-19. Assim, o isolamento social foi a principal medida adotada, o que mudou muitos hábitos em nosso cotidiano. E isso se tornou um desafio para muita gente. 

Porque readaptar a rotina, para ficar mais tempo em casa em quarentena aumentou a nossa ansiedade, e consequentemente, acarretou em outros problemas, como sedentarismo e maus hábitos alimentares. 

Mas manter a saúde, mesmo durante este período, é primordial! Todavia, sabemos que não é tão simples quanto parece. 

Contudo, precisamos reforçar que essa manutenção na saúde, inclusive, é uma arma contra a Covid-19, pois você estará mais imunizado. E claro,  não deixe de lavar as mãos e utilizar máscaras quando for sair em público. 

E não apenas para ficar livre de doenças, mas manter uma vida saudável precisa também envolver a saúde mental e o bem-estar do ser humano. 

E para isso, você deve ficar atento a 5 fatores que são fundamentais para uma vida mais saudável em tempos de Covid. São eles:

Alimentação

Não é preciso se aprofundar em explicar o porquê deste ser a prioridade. Ter um hábito alimentar saudável ajuda a fortalecer o sistema imunológico do corpo, que é mais do que necessário nesse período em que vivemos.

Além de prevenir outras doenças, uma alimentação balanceada ajuda o corpo a ter um peso ideal e mais disposição para o dia a dia. Portanto, invista em uma dieta variada e rica em alimentos como frutas, legumes, verduras e grãos, evitando alimentos processados, com muita gordura e açúcar.

Isso ajuda também a evitar que você consuma calorias em excesso, que se tornou muito comum na rotina de isolamento social. 

Atividade física

Em muitas cidades, há restrição para o funcionamento de academias e locais de prática de exercícios ao ar livre. Mas é possível manter o corpo ativo mesmo em casa. 

Mesmo que com carga e intensidade reduzidas, se comparados a uma academia, por exemplo, exercícios como flexões, agachamentos, abdominais e improvisos com objetos em casa ajudam a manter o corpo ativo.

Na internet você encontra diversos tutoriais sobre como se exercitar em casa. Isso ajuda a manter o peso e libera substâncias benéficas ao cérebro que comprovadamente diminuem os efeitos da ansiedade. 

E de acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), 30 minutos de atividades físicas são suficientes para manter a saúde do corpo. Então, vamos se mexer?

Não se estresse

O estresse pode ser um grande fator para diversos problemas de saúde. Assim, é importante ter o controle da situação. Porque quando o estresse se torna crônico, ou seja, uma pessoa muito estressada se torna incapaz de retornar a sua estabilidade emocional e pode chegar ao esgotamento.

O estresse gera doenças como gastrite, colite, síndrome do pânico, diarreia, dores musculares, entre outras manifestações físicas.

Tenha um bom sono 

Noites mal dormidas também  são responsáveis pela mudança brusca de estilo de vida. Porque elas acarretam problemas que afetam os hormônios responsáveis por regular a fome, fazendo com que ela surja de forma mais exagerada do que o comum.

É durante o sono que refazemos toda a bioquímica celular do nosso corpo. Por isso, é importante priorizar a hora de dormir, buscando alcançar um tempo de aproximadamente 7h30 de sono para o corpo conseguir completar todos os processos durante as 6 fases.

Cuide de sua espiritualidade

Mesmo que você não tenha uma crença específica, a espiritualidade também deve ser priorizada. Mais do que religiosidade, trata-se da ligação do indivíduo para consigo mesmo, com seus familiares, amigos e com o universo. 

Atividades como meditação, ioga e mindfulness são algumas das práticas que oferecem essa ligação íntima ao indivíduo.

Assim, com essas práticas, você consegue manter a sua saúde mesmo diante os desafios em tempos de pandemia e Covid-19. 

 

Vem ser Zen!

 

Deixe um comentário