#DICASZEN, Alimentação

Saúde: Alimentação na Terceira Idade

Ter uma alimentação saudável é um diferencial para a saúde do idoso. Porque com o  avançar da idade, o corpo apresenta sinais de mudanças, como ingestão mais lenta ou maior dificuldade para absorver importantes nutrientes. 

E o cardápio do idoso deve ser o mais saudável, com variadas opções de frutas, verduras, legumes, alimentos integrais, proteínas e outros nutrientes fundamentais para a saúde e o bem estar nesta idade. 

Cálcio, vitamina D, fibras, proteínas, vitamina B12 e zinco estão entre os nutrientes essenciais, que não podem faltar no cardápio diário do idoso. 

Assim como as fibras, presentes nos vegetais, frutas, legumes e produtos integrais. Para que o cálcio fortalecer a saúde do idoso, ele deve ingerir alimentos como leite, queijo branco, iogurte e vegetais de cor verde-escura, como a couve e o brócolis.

Alimentos devem ser bem preparados

O ideal é que a maior parte dos alimentos para o idoso sejam cozidos, pois assim a mastigação será mais fácil.

Mas varie o cardápio, não fique apenas em alimentos cozidos, pois muitos tendem a perder vitaminas, sais minerais e fibras durante este processo. 

E o idoso não deve ingerir os alimentos em grandes quantidades de uma vez. As refeições devem ser fracionadas

Elas podem ser divididas em cinco refeições ao longo do dia, para não sobrecarregar o estômago e assim ocorre uma melhor ingestão e absorção de nutrientes. 

E o que evitar?

O idoso deve evitar alimentos como frituras ou rico em gordura, açúcar e carboidratos, pois eles são prejudiciais para a vitalidade dos ossos e músculos. 

O acúmulo de agrotóxicos dificultam ainda mais a absorção de nutrientes pelo intestino, provocando o cansaço orgânico e até mesmo a desnutrição. 

Consumir sal  em grande quantidade pode causar hipertensão. Porque o cloreto de sódio provoca insuficiência renal, e assim o corpo retém mais líquido e aumenta o volume de fluidos nos vasos sanguíneos, aumentando a pressão arterial.

E os alimentos industrializados também devem ser evitados, pois a abundância de corantes, sódio, conservantes, umectantes, acidulantes, provocam reações alérgicas, cirrose hepática, câncer, etc.

Assim, ter uma alimentação saudável, rica em nutrientes, junto à  prática regular de exercícios físicos é um diferencial para a saúde do idoso, garantindo mais qualidade de vida.

 

Acesse nossa loja virtual e venha fazer parte dessa Onda!

 

Deixe uma resposta